Artista natalense expõe nos Estados Unidos

Em: Geral

2 set 2013

marilia

O AMA apresenta “Brasil, Meu Brasil: Contrastes da Modernidade”, da artista brasileira Marília Bulhões, uma exposição de 14 pinturas que compartilha a missão do AMA de promover uma visão construtiva do futuro da região por meio do intercâmbio cultural hemisférico.

Brasil, Meu Brasil oferece uma visão contemporânea da percepção da artista em relação ao povo, à beleza natural, à modernidade e também aos problemas de seu país. Sua percepção do Brasil é marcada por elementos como a tecnologia aeroespacial e a arquitetura futurística de Niemeyer. Esses elementos contrastam com outros mais conservadores ou menos desenvolvidos, que constituem, igualmente, componentes vitais de sua cultura, como as favelas e os desafios do desmatamento da Amazônia, inter alia. Por meio de seus traços, a artista analisa esses mundos coexistentes e aparentemente incompatíveis.

Com uma abordagem abstrata, Bulhões constrói um diferenciado mosaico do Brasil de hoje, revelando sutilmente contrastes complexos e tecendo um senso de unidade cultural. A artista também explora o conceito de nação com base nesse caleidoscópio de identidades. Ela retrata o Brasil, um dos países mais demograficamente diversificados, como produto de uma miscigenação única de culturas.

Na opinião da curadora Roxana Martin, “Bulhões criou uma paisagem em evolução que pulsa com a energia do Brasil contemporâneo. Seu trabalho tem uma luminosidade que se propaga mesmo em suas tonalidades mais escuras. Ela aplica tinta em camadas, com suaves pinceladas com textura, que destacam a granulação da tela. A cor é transparente e as formas são, ao mesmo tempo, firmes e sutis. Enquanto algumas das pinturas refletem de imediato a tradição, outras são mais ousadas, com a inquietação do desconhecido.Todas conduzem o espectador a um espaço de diálogo e exploração. Trata-se de um trabalho tenaz, maduro, que combina beleza, imaginação e arte.”

Marília Bulhões nasceu em Natal, no Rio Grande do Norte. Ela desenvolveu sua técnica de pintura abstrata em meio ao rico universo do Nordeste brasileiro e continuou a cultivar sua arte enquanto residia em diversos países nos últimos 15 anos. No exterior, Bulhões teve a oportunidade de aperfeiçoar ainda mais a sua formação artística: de 2003 a 2006, estudou no Corcoran College of Art and Design em Washington, DC e na Art Students League de Nova York. Ela atualmente reside em Washington, DC. A arquiteta Juliana Bulhões é a designer do projeto desta exposição.

“Os trabalhos de Marília Bulhões são de uma leveza que quase os tira do chão. Eles perguntam, insinuam, convidam, brincam, lembram, beijam o Brasil. O Brasil não é para ser explicado. É para ser mordido como uma goiaba verde-amarela”.
Ministro George Torquato Firmeza
Diretor do Departamento Cultural do Ministério das Relações Exteriores do Brasil

Comentários

dezembro 2013
S T Q Q S S D
« nov    
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
3031